A economia possui muitos conceitos que a maioria dos consumidores e dos investidores não se atentam. Um exemplo são os mercados de consumo cíclico.

Existem empresas que oferecem serviços ou produtos que são considerados de consumo cíclico, e isso implica que elas possuem características diferenciadas.

Compreender o que é o consumo cíclico e como isso pode afetar o consumidor e o investidor é suma importância para conseguir tirar um proveito melhor da situação.

O que é o consumo cíclico?

O consumo cíclico se refere a segmentos da economia que não conseguem se manter lucrativos ao longo do ano inteiro, ou mesmo um período de tempo maior.

Existem tipos de negócios que funcionam melhor durante uma certa temporada do ano, ou que precisam de condições econômicas favoráveis para terem qualquer demanda.

Isso basicamente significa que as pessoas consomem os produtos e serviços de algumas empresas de forma cíclica, apenas em determinados períodos.

Há vários fatores que podem fazer com o que os produtos ou serviços de uma empresa sejam cíclicos, como por exemplo:

  • Disponibilidade de matéria prima;
  • Valor médio cobrado;
  • Se é um produto essencial ou um bem de luxo;
  • Entre outros fatores.

Exemplos de empresas de consumo cíclico

Alguns exemplos de empresas e setores que funcionam com uma demanda cíclica, ou no mínimo bastante dependente de determinadas condições, são:

  • Empresas aéreas ou relacionadas com o turismo em geral;
  • Varejos, supermercados e construção civil;
  • Que depende do ciclo das commodities.

No caso dos dois primeiros grupos, a influência de uma economia estável e favorável ao consumo é de suma importância para que eles atraiam clientes.

Se o país estiver passando por uma crise que tenha sido causada por qualquer motivo que seja, e o poder de compra das pessoas seja menor, elas não vão querer viajar.

A dificuldade financeira das pessoas, por sua vez, também fará com que elas gastem bem menos dinheiro nos supermercados, preferindo fazer compras reduzidas.

Por fim, o setor imobiliário e da construção civil é o que mais será afetado, pois por não haver demanda para compra de imóveis, o preço destes tende a despencar.

No caso das empresas que dependem do ciclo das commodities, isso trata-se de uma situação a qual é difícil ter um controle muito grande sobre.

Cada commodity funciona de uma forma diferente e é extraído da natureza ou produzido de uma forma diferente. O petróleo, por exemplo, depende da descoberta de novos poços.

Consumo cíclico e consumo não-cíclico

Para concluir, é necessário conversar também sobre o consumo não-cíclico, que trata-se basicamente do segmento da economia que sofre pouca alteração na sua demanda.

O tipo de produto ou serviço de consumo não-cíclico geralmente são aqueles essenciais e com os quais as pessoas dependem para sobreviver.

Exemplos de empresas que mantêm sua demanda quase inalterada mesmo em um período de crise, são as empresas do setor de energia, comida e bebida e agrícola.

Conhecer como funciona o mercado de cada empresa vai ajudar o investidor a escolher melhor as empresas as quais ele pode investir o seu dinheiro.

Veja outros termos do mercado financeiro:

Mais acessados