O que é NTN - Nota do Tesouro Nacional?

Investidores conservadores gostam de colocar o seu dinheiro nos produtos da renda fixa. Um dos investimentos mais famosos desse segmento é o Tesouro Direto.

O Tesouro Direto é um programa do governo no qual o investidor adquire um título que serve para financiar as atividades do governo ou ajudá-lo a pagar dívidas.

Em vista disso, existem muitos títulos diferentes no programa do Tesouro Direto, cada um servindo a um propósito diferente. Um destes títulos é a Nota do Tesouro Nacional.

O que é a NTN - Nota do Tesouro Nacional?

A Nota do Tesouro Nacional é um título público federal que pode ser adquirido por qualquer investidor por meio de um intermediário, como uma corretora de valores ou um banco.

De forma geral, este título serve para cobrir os déficits do governo em relação às suas atividades ou por razão de contração de dívidas de empréstimo com terceiros.

Existem vários tipos de notas do tesouro, mas nem todas estão disponíveis para aquisição, pois algumas já não são emitidas mais, sendo de posse de apenas alguns investidores.

Tipos de Notas do Tesouro Nacional

Atualmente existem três Notas do Tesouro Nacional que são as principais que podem ser encontradas. São elas:

  • Tesouro Prefixado com Juros Semestrais (NTN-F);
  • Tesouro IPCA+ (NTN-B Principal);
  • Tesouro IPCA+ Juros Semestrais (NTN-B).

Cada uma delas serve a uma estratégia diferente. Por exemplo, é necessário avaliar o cenário econômico para compreender se os juros prefixados são melhores que o IPCA.

Características da NTN - Nota do Tesouro Nacional

A Nota do Tesouro Nacional, por se tratar de um investimento de renda fixa, pode ser vista com as mesmas características que definem esse tipo de investimento. Ou seja:

  • Baixo risco: dificilmente o governo irá dar calote em seus investidores, seja de uma forma ou de outra, ele sempre paga;
  • Liquidez elevada: diferente de outros investimento da renda fixa, o tesouro tem uma liquidez maior, no entanto, pode haver perdas no resgate antecipado;
  • Rentabilidade limitada: por se tratar de um produto de renda fixa, as possibilidades de ganho são reduzidas.

Vale ressaltar que a maioria das Notas do Tesouro Nacional tem as suas datas de resgate para vários anos no futuro, algumas chegando a ter um prazo de décadas.

Por isso mesmo que esse tipo de investimento é muito mais interessante para investidores conservadores que queiram investir pensando no longo prazo, para a sua aposentadoria.

Como investir na NTN - Nota do Tesouro Nacional

Para investir nas Notas do Tesouro Nacional é importante ter em mente que o valor mínimo de investimento é de 30 reais. E o máximo de 1 milhão por mês.

Existe a possibilidade de fazer esse investimento por meio de um banco autorizado, uma corretora de valores ou pelo próprio site do Tesouro Direto, em sua plataforma.

Para fazer esse investimento, por conseguinte, é essencial ter a mentalidade correta. Achar que é possível lucrar muito rápido e fazer um resgate antecipado, pode gerar prejuízos.

Por fim, a dica mais importante sobre investimentos é sobre diversificação. Uma boa carteira de investimentos possui desde títulos do tesouro até ativos de renda variável.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.