O que é Mercado à Vista?

Fazer investimentos é a melhor forma de uma pessoa conseguir melhorar de vida financeiramente. E existem muitas formas de investir.

E para quem está iniciando no mundo dos investimentos, o mercado à vista é a opção mais segura e tradicional, sendo inclusive a opção da maioria dos investidores.

É claro que o Mercado à Vista possui as suas peculiaridades, vantagens e desvantagens que o investidor precisa considerar antes de aportar o seu dinheiro.

O que é o Mercado à Vista?

Antes de qualquer coisa é necessário entender o Mercado à Vista. E de forma resumida, trata-se da compra de ativos com liquidação imediata ou quase imediata.

Ou seja, quando o investidor está na bolsa de valores por intermédio de uma corretora de valores e ele decide comprar ações de uma empresa, ele está atuando no Mercado à Vista.

É claro que, nem sempre os produtos comprados à vista podem estar imediatamente disponíveis na carteira do cliente. Em alguns casos pode levar até dois ou três dias.

Mas mesmo assim, ainda é considerado Mercado à vista em detrimento do prazo ser curto e não haver parcelamento ou uma data de vencimento muito longe no futuro.

O que se negocia no Mercado à Vista?

O principal ativo negociado no Mercado à Vista são as ações de empresas. Ações são papéis que dão direito ao investidor de fazer parte da sociedade de uma empresa.

Uma vez fazendo parte da sociedade, o investidor tem o direito de participar de Assembleias e receber dividendos, caso a empresa os distribua.

Também é importante lembrar que o Mercado a Vista pode tratar da compra de ações em lotes de 100, que é a forma tradicional. Ou pelo mercado fracionário.

No mercado fracionário é possível adquirir uma única unidade de uma ação. E as condições são basicamente as mesmas, mas é uma opção interessante para pequenos investidores.

Outro ativo comum de se negociar no Mercado à Vista é o ouro. Nesse caso, o investidor adquire um dos três tipos de contrato: de 250 gramas (padrão) e 10g ou 0,225 (fracionário).

Características do Mercado à Vista

O conceito do Mercado à Vista é ser uma forma de investir e adquirir os produtos financeiros que se quer de forma imediata.

Nesse sentido, ele se diferencia do Mercado à Termo e do Mercado Futuro, ambos sendo caracterizados pelo pagamento dos ativos apenas em uma data posterior.

Ou seja, quando um investidor adquire um ativo no Mercado à Vista, como uma ação, ele já estará usufruindo dos seus benefícios ou desvantagens de forma imediata.

Se a ação se valorizar ou desvalorizar, isso afetará automaticamente o valor investido pelo indivíduo, o que funciona de forma diferente nos outros mercados.

Então, podemos resumir o Mercado à Vista da seguinte forma:

  • Liquidez imediata ou quase imediata dos produtos financeiros adquiridos;
  • Muito mais comum para a negociação de ações;
  • Não permite o uso da técnica de alavancagem.

Por fim, é importante ressaltar que antes de fazer qualquer investimento, seja no Mercado à Vista, a Termo ou Futuro, é importante avaliar muito bem onde se quer aportar o dinheiro.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.