O que é Fundos de Galpões?

Muitas empresas necessitam de grandes espaços físicos para instalarem, operarem e depositarem as suas cargas. E é possível investir neles por meio dos Fundos de Galpões.

Diferente de outros fundos mais conhecidos, estes ainda estão começando a ganhar popularidade entre os investidores, pois não se trata de um investimento óbvio.

Justamente por isso é importante entender como estes fundos são estruturados e para qual tipo de investidor ele é melhor adequado.

O que são Fundos de Galpões?

Fundos de Galpões são fundos imobiliários que investem em espaços construídos para o manejo de produtos de empresas, principalmente as de atacado e indústrias.

Estes fundos têm como objetivo tornar possível grandes operações logísticas de empresas que não possuem as suas próprias instalações para cuidarem disso.

Vale destacar que de acordo com o estatuto dos Fundos Imobiliários, os galpões investidos pelos fundos só podem servir a operações de natureza logística.

Assim como os demais fundos imobiliários, os Fundos de Galpões não possuem cobrança de Imposto de Renda sobre os dividendos pagos aos cotistas.

Como funcionam os galpões

Algumas empresas precisam de uma boa estrutura logística para movimentar as suas operações, algo que nem sempre elas dispõe, por se tratar de um alto investimento.

Para resolver esse problema, elas podem alugar galpões, onde os seus produtos serão depositados e podem assim ser administrados com mais eficiência.

Galpões, portanto, são áreas feitas para a estocagem de produtos, servindo para o recebimento, armazenagem, separação e despacho dos mesmos.

Como os Fundos de Galpões lucram

Os fundos de Galpões lucram com os aluguéis dos galpões aos quais o fundo investe. No caso, o fundo compra um galpão e o disponibiliza para ser alugado.

Claro que também é possível lucrar com a valorização da cota, mas esse objetivo geralmente é secundário, pois um fundo desse tipo não é muito dinâmico e volátil.

Vale destacar que o galpão alugado pelo fundo pode servir a uma única empresa específica, ou para várias, sendo chamado assim de galpão modular.

Também é importante lembrar que a qualidade de um galpão está atrelado a dois pontos-chave:

  • Localização: quanto mais bem localizado for o galpão, na região mais valorizado e com vários acessos de rotas, mais requisitado ele será;
  • Área para armazenamento: galpões maiores podem atender a mais empresas simultaneamente ou as necessidades de uma grande empresa.

Dependendo destas características, o aluguel de um galpão pode ser mais caro ou mais barato.

Como investir em Fundos de Galpões?

Para investir em Fundos de Shopping de Galpões, o investidor tem que se certificar de ter uma conta em uma corretora de valores ou outro intermediário autorizado.

O passo seguinte é avaliar de forma individual cada fundo disponível para investimento. A lista completa dos fundos está disponível no site da B3.

Vale lembrar que essa avaliação precisa levar em conta:

  • A experiência do gestor do fundo e se ele apresentou bons resultados no passado;
  • Em quais ativos o fundo está investindo. 

Após ter verificado estas informações, basta comprar a quantidade de cotas desejada nos fundos escolhidos e permanecer acompanhando o seu desenvolvimento.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.