O que é Empresa de Capital Fechado?

Caso você decidisse abrir uma empresa, sabia que pode optar por deixar o capital da mesma aberto ou fechado? Mas antes disso, você sabe diferenciar uma da outra? Como funciona, as características principais, vantagens, desvantagens e quais são as mais conhecidas empresas com capital fechado no mercado? Confira isso e um pouco mais neste artigo!

Logo de cara, podemos dizer que uma empresa de capital fechado é aquela que só possui um único acionista, que normalmente é o proprietário fundador, ou com uma quantidade mínima de sócios (sócios fundadores).

Nas empresas com capital fechado, a entrada de novos sócios é um pouco mais particular, já que para algum investidor se tornar um dos novos sócios, ele deve entrar em contato com o proprietário ou alguns dos sócios, para que seja vendida uma parte dessa empresa para ele.

Caso o interessado convença o proprietário a vender uma fatia da sua empresa, é necessário que seja realizado um registro oficial da mudança de composição dos proprietários, estabelecendo uma escritura de transferência de propriedade.

Processo bem diferente se comparado ao que ocorre em empresas de capital aberto, onde qualquer pessoa pode se tornar um acionista a partir do home broker da sua corretora. A partir do momento que alguém adquiri uma ação, ela passa a ser considerado um sócio da empresa.

Abrir uma empresa de capital fechado possui vantagens e desvantagens, confira quais são logo abaixo.

Vantagens

Sendo uma companhia com poucos sócios, o poder de decisão nas estratégias da empresa e o controle geral são bem maiores quando em comparação a uma empresa com uma grande quantidade de acionistas, negociadas na B3, por exemplo.

Além disso, os sócios podem realizar a contabilidade da empresa em um escritório de sua escolha, e não há obrigação em divulgar os balanços e resultados da empresa, ficando o veredito para os sócios, diferente das empresas com ações listadas na Bolsa de Valores.

Desvantagens

A depender do tipo de negócio, as chances de receber uma proposta de investimento é bem menor e mais restrito, além da liquidez dos investimentos que podem ser reduzidos de uma maneira considerável.

Até aqui já conhecemos muita coisa sobre esse tipo de empresa, certo? Vamos ver um resumo das características de uma empresa com capital fechado:

  • Restrição de acionistas;
  • A empresa muitas vezes é familiar, podendo passar de geração em geração;
  • Maior controle administrativo nas decisões da companhia;
  • Não obrigatoriedade em revelar seus resultados para o público;
  • Contabilidade pode ser realizada particularmente;
  • Grupo reduzido de sócios
  • Emissão e venda das ações de maneira bastante reservada.

Ao ler o último tópico, a seguinte dúvida pode surgir:

“Mas, se é uma empresa com capital fechado, como ela pode realizar a venda de ações?!”

Pois bem, não estar disponível ao público no mercado de ações, não significa que ela é proibida de emitir e vender ações da empresa, correto? Para isso ocorrer, basta que seja uma decisão dos sócios em abrir uma negociação com acionistas externos.

Mas caso apareça alguém com a intenção e o dinheiro para investir nas ações da empresa, é necessário que algum dos atuais acionistas ou o proprietário esteja predisposto a negociar diretamente por sua parte na empresa.

Após negociação e com tudo devidamente acertado, só é necessário que seja transferido os valores financeiros de maneira correta e a escrituração nos registros da empresa.

Vale ressaltar que após a negociação, pode não ser necessário que todos os sócios concordem com o negócio feito, a depender da empresa e de suas políticas internas.

Existem centenas de empresas de capital fechado com valores astronômicos ao redor do mundo, uma delas é a SpaceX, do bilionário Elon Musk. Recentemente, foi divulgado que o valor da empresa chegou a casa dos US$ 74 bilhões!

Outras grandes companhias que optam pelo capital fechado são a Rede Globo , Lojas Pernambucanas, PwC (network de firmas), entre muitas outras. Essas empresas tem algo em comum, todas possuem valores de mercado bilionários, o que pode ser visto como opção a se considerar investir de alguma forma, mesmo com a dificuldade se comparada as que conhecemos nas Bolsas de Valores por todo o mundo.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.