Concordata é o procedimento judicial que visa estabelecer relações formais entre devedores e credores em operações de crédito sem garantias formais. Um devedor, em dificuldades financeiras para honrar seus compromissos, pleiteia em juízo um acordo com seus credores visando à continuação de seus negócios normais. A concessão da concordata pode ter caráter preventivo, criando condições para a liquidação das dívidas, ou suspensivo, que objetiva, durante o processo de falência, restabelecer as atividades comerciais normais da empresa.

Veja outros termos do mercado financeiro:

Mais acessados