O que é Administração Ativa?

A Administração Ativa é uma técnica usada na gestão de Fundos de Investimento quando o objetivo maior do gestor é superar a rentabilidade de algum índice, chamado benchmark. Dessa forma, há mais autonomia na administração do fundo, pois o gestor pode escolher quais ações irão compor o Fundo. 

Desse modo, a rentabilidade em Fundos de Investimento com gestão ativa é muito atrativa, mas o risco em investir em tais Fundos é maior. Seguindo a lei básica do Mercado Financeiro, quanto maior o risco, maior a rentabilidade.

Vale ressaltar que um Fundo de Investimento se define como a união de vários investidores que elaboram uma carteira de investimentos, sendo que cada um irá contribuir para a aplicação financeira individualmente e cada um receberá o valor do investimento de forma proporcional. Depois disso, um gestor para o Fundo será responsável pela administração do capital.

No caso de uma administração ativa, o gestor terá que desempenhar um papel fundamental, uma vez que terá que analisar as empresas selecionadas para o Fundo separadamente e identificar o potencial de rentabilidade de cada uma delas, prestando atenção em momentos econômicos, taxas cambiais, economia estrangeira, entre outros fatores que podem interferir no crescimento das companhias.

Essa análise deverá ser feita, pois, o gestor promete não apenas rentabilidade positiva, mas afirma que irá superar algum índice de mercado e essa meta precisa ser cumprida para que os investidores não desistam do investimento.

Sendo assim, como a promessa de retorno é maior, as taxas para administração do Fundo de Investimento são maiores também, pois o gestor se empenha ao máximo para trazer essa rentabilidade prometida. Além disso, no curto prazo, os Fundos de administração ativa costumam ter um desempenho preocupante devido à oscilação dos índices.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.