O que é ACWI11?

Escrito por:

Marcilio Lima

O ACWI11 é um ETF (fundo de índice) focado em oferecer uma ampla diversificação em ações globais ao investidor. O ACWI11 possui, em sua carteira, ações de diversos países. Essas empresas são, normalmente, as maiores empresas baseadas em cada país.

Atualmente, um movimento crescente no mercado financeiro é a diversificação internacional de carteira.

O principal propósito dessa diversificação é estar exposto em diversos países e desprender o risco de seus investimentos em relação a somente o Brasil. Geralmente, o principal recebedor desses investimentos são os Estados Unidos.

O ACWI11 é uma opção, dentre as demais, que permitem uma diversificação internacional global, não limitada aos Estados Unidos somente. Por meio do ACWI11, o investidor possui exposição em aproximadamente 3000 ações, baseadas em mais de 40 países.

Consequentemente, a diversificação internacional do investidor é significativamente maior e não se limita ao mercado financeiro dos EUA. Além disso, o ACWI11 é diversificado entre países desenvolvidos e emergentes, assim como entre diversos setores dessas economias.

Logo, o fundo se coloca como uma alternativa altamente acessível para diversificação global. Afinal, por meio de um investimento mínimo próximo dos R$10, o investidor estará diversificado em quase 3000 ações e 50 países.

Para alinhar a ampla diversificação a um baixo custo, o ACWI11 adota a gestão passiva, que se resume a replicar um índice, nesse caso o índice MSCI ACWI. Estratégias mais avançadas para superar o índice são dispensadas.

A sigla ACWI significa All Country World Index, que significa um índice que abrange países de todo o mundo.

A gestão passiva permite que essa diversificação seja menos custosa, ao somente replicar a composição do índice. Isso se converte, como benefício ao investidor, em menores taxas de administração.

Ao mesmo tempo, a abrangência de diversos países, feita pelo ACWI11, reduz a sensibilidade da carteira do investidor a apenas 1 país específico. Sendo essa sua principal vantagem.

Atualmente, a gestão do ACWI11 é realizada pela XP Asset Management.

A estratégia do ACWI11

O ACWI11 atua com o objetivo de ser uma opção de investimentos globalmente diversificada. Através do fundo, o investidor possui uma exposição em dezenas de países e milhares de empresas. As empresas presentes são, normalmente, as principais empresas listadas nas bolsas de cada países.

O ACWI11 adota a estratégia de gestão passiva, baseada em replicar a composição e, consequentemente, o desempenho do índice MSCI ACWI, composto pelas empresas dos diversos países presentes no fundo.

Essa estratégia abdica de tentativas de tentar superar a valorização do índice, de forma mais avançada. A gestão do fundo, dessa forma, se torna menos custosa e isso se converte, como benefício ao investidor, em menores taxas de administração.

Atualmente, o ACWI11, com base no MSCI ACWI, possui determinados critérios para a escolha de ações.

As ações são ponderadas conforme valor de mercado, liquidez, país de base, entre outros critérios.

Em termos setoriais, são diversos setores presentes no portfólio do ACWI11, veja os principais setores:

  • Financeiro;
  • Tecnologia;
  • Saúde;
  • Varejo;
  • Utilities (energia, saneamento, entre outros);
  • Mineração;
  • Industrial;
  • Entre outros;

Já quanto aos países presentes no fundo, os principais são:

  • Estados Unidos;
  • Japão;
  • Reino Unido;
  • Hong Kong;
  • Canada;
  • França;
  • Suíça;
  • Alemanha;
  • Austrália;
  • Entre outros;

A estratégia do ACWI11 resulta em um investimento altamente diversificado, em milhares de empresas e diversos setores. Assim como em diferentes países, com maior foco nos países desenvolvidos, porém com presença de emergentes.

Quais ativos compõem a carteira do ACWI11?

O ACWI11 replica a carteira do índice MSCI ACWI, que significa All Country World Index, ou seja, um índice composto por ações de múltiplos países.

A composição do índice e, consequentemente, do ACWI11 é atualizada ao longo do tempo, conforme determinados critérios. A composição mais atualizada pode ser conferida ao clicar aqui.

Atualmente, as principais empresas do fundo são Apple, Microsoft, Amazon, Alphabet (google), UnitedHealth, entre outras. Entretanto, cada uma dessas não ocupa mais de 4% da carteira do fundo.

Vantagens do ACWI11

A diversificação é a principal vantagem do ACWI11, em linha com os impactos positivos gerados por ela.

Inicialmente, o fundo é diversificado em um enorme número de ações, dispersas em diversos setores da economia. Assim como as ações com maior peso no fundo não ultrapassam 4% de sua carteira.

Isso reduz o risco do fundo, como um todo, ao reduzir sua dependência sobre apenas 1 ação ou 1 setor para apresentar uma boa performance.

Além da diversificação em número de empresas, a diversificação internacional se destaca como mais uma forma de redução de risco.

Ao diversificar os investimentos globalmente, o ACWI11 se torna menos sensível aos riscos de apenas 1 país individualmente.

Logo, crises econômicas isoladas em 1 país tendem a ter um baixíssimo impacto sobre o ACWI11, dado que ele é diversificado em quase 50 países e aproximadamente 3000 empresas.

Somadas, essas vantagens geram um enorme ganho em praticidade. Afinal, ao comprar apenas 1 cota de ACWI11, por menos de R$10 na B3, o investidor estará exposto em dezenas de países, diversos setores e milhares de empresas.

Isso beneficia aos investidores iniciantes, com menos recursos e menos conhecimento, para que possuam uma carteira diversificada. Assim como beneficia aos investidores que desejam uma carteira de simples acompanhamento.

A diversificação através do ACWI11, que requer a compra direta de apenas 1 ativo, facilita o acompanhamento de rendimento da carteira e as questões de imposto de renda.

Por fim, o ACWI11 se destaca como uma opção de baixo custo para diversificação global, devido à gestão passiva.

Atualmente, a taxa de administração total do ACWI11 é de 0,62% ao ano, frente a demais fundos (ações e multimercados) que praticam taxas que atingem 2% ao ano, acrescidas de taxas de performance.

Desvantagens do ACWI11

O ACWI11 possui, como desvantagem, a capacidade muito limitada em personalizar a carteira ou em remover ativos abaixo da média de desempenho.

Afinal, os ETFs devem, por lei, seguir um índice. Logo, a composição do ACWI11 deve, necessariamente, se basear na composição de seu índice de referência, o MSCI ACWI, com baixa margem para mudanças.

Dessa forma, o fundo é limitado em remover ativos que performem abaixo da média de sua carteira.

Além disso, existem desvantagens quanto ao imposto de renda (IR).

Inicialmente, o ACWI11 não possui isenção de IR para vendas de cotas, com lucro, limitadas ao valor de R$20 mil mensais, diferentemente do que ocorre com a venda de ações.

Além disso, os dividendos do ACWI11 são tributados duas vezes. Primeiramente, eles já são tributados no exterior, quando pagos.

Ao chegar na estrutura brasileira, o ACWI11 deve os reinvestir na própria carteira, obrigatoriamente. Dado que ao vender cotas com lucro o investidor paga IR, o imposto incidirá parcialmente sobre os dividendos mais uma vez.

Quais são os riscos do ACWI11?

O ACWI11 é um fundo de renda variável, quase 100% alocado em ações. Portanto, os riscos presentes no fundo são, basicamente, os mesmos riscos do investimento em ações. O principal risco do ACWI11 é chamado de risco de mercado.

O risco de mercado se resume à possibilidade de que as ações, presentes no ACWI11, se desvalorizem. Consequentemente, isso impactaria negativamente no preço das cotas de ACWI11 no ambiente da B3.

Nesse caso, o investidor teria prejuízo ao se desfazer de suas cotas em um momento de desvalorização.

Somado ao risco de mercado, temos presente no ACWI11 o risco cambial, dado que o fundo é internacionalmente diversificado.

O risco cambial significa que, tudo o mais constante, se as demais moedas se valorizarem frente ao R$, a cota de ACWI11 tende a se valorizar na B3. O inverso também é válido, se ocorrer baixa no valor das moedas, nas quais as ações do fundo são precificadas, tudo mais constante, seu valor tende a cair na B3.

Por fim, no ACWI11 tem-se presente o risco de liquidez, diretamente ligado ao ACWI11. Esse risco ocorre, pois, em determinados momentos, o fundo possui baixo volume de negociação na B3.

O risco de liquidez se materializa na dificuldade ou, em casos extremos, na impossibilidade de comprar ou vender cotas.

Esse é um risco que, atualmente, está em processo de redução. Conforme a evolução do ACWI11 e do mercado de ETFs, o fundo tende a ter mais negociações, o que reduz o problema de liquidez.

O ACWI11 possui a garantia do FGC?

Não! No investimento em ACWI11, não há garantia do Fundo Garantidor de Crédito, o FGC. Não existem garantias tanto de proteção do capital inicial investido quanto de rentabilidade mínima do fundo.

Já o administrador e o gestor do fundo, igualmente, não fornecem garantias quanto à rentabilidade do ACWI11 ou de garantia do valor aportado.

O ACWI11 é um fundo de renda variável, que possui sua rentabilidade dependente da valorização de suas cotas no ambiente da B3, sem a garantia quanto rendimento mínimo ou proteção do capital.

Taxas do ACWI11

O único custo presente no investimento em ACWI11 por parte do fundo são as taxas de administração do patrimônio, que totalizam 0,62% ao ano atualmente.

Essa taxa é composta por 0,3% ao ano do próprio ACWI11 acrescidos de 0,32% ao ano das estruturas nas quais o ACWI11 investe, no exterior.

Demais custos, como taxas de performance e outras, não são presentes no ACWI11.

Frente aos demais ETFs, o ACWI11 possui uma taxa de administração satisfatória para a entrega de uma diversificação global, em um enorme número de empresas.

Frente a demais tipos de fundos (multimercados e ações) com exposição global, o ACWI11 se destaca com uma taxa de administração significativamente menor.

Demais tipos de fundos, globalmente diversificado, praticam taxas de administração que atingem 2% ao ano, mais a taxa de performance em diversos dos casos.

Como comprar cotas do ACWI11?

A compra das cotas de ACWI11 é bastante simples. Primeiro, recorra a corretora de sua preferência, para negociar ativos em bolsa. Em seguida, basta inserir o código de negociação ACWI11 e preencher os dados básicos da ordem: quantidade e preço.

Inserido o código de negociação, basta inserir a quantidade desejada e o preço pelo qual se deseja comprar tal quantidade de cotas. Feito isso, basta enviar a ordem para execução e, por fim, conferir se a ordem foi completamente executada.

Adicionalmente, para agilizar a execução total de uma ordem basta realizá-la a mercado. Selecione a opção “ordem a mercado” e o sistema de sua corretora irá, automaticamente, realizar a compra conforme a melhor oferta disponível no instante em que a ordem for emitida.

Qual é o público-alvo do ACWI11?

O ACWI11 possui os investidores em geral como seu público-alvo. Qualquer investidor pode comprar cotas de ACWI11 na B3, sem a existência de qualquer restrição.

Investidores pessoa física (PF) e pessoa jurídica (PJ) podem comprar cotas de ACWI11, sem restrições em relação ao conhecimento técnico do investidor ou de seu patrimônio acumulado no mercado financeiro.

O importante é entender os riscos e objetivos do fundo antes de realizar seu investimento.

O ACWI11 paga dividendos?

Não! O ACWI11 não paga dividendos aos seus cotistas, igualmente aos outros ETFs brasileiros. Isso ocorre devido às limitações regulatórias, que impedem ETFs brasileiros de pagar dividendos. Como alternativa, o ACWI11 reinveste os dividendos recebidos em sua própria carteira.

Ao receber dividendos dos ativos presentes em sua carteira, o ACWI11 os reinveste internamente, em sua própria estrutura, basicamente comprando mais ações. Resumidamente, isso “soma” o valor dos dividendos ao valor da cota.

Dessa forma, ao reinvestir os dividendos recebidos, isso contribui para a valorização das cotas de ACWI11 a longo prazo.

Portanto, em ACWI11 o investidor recebe os dividendos de forma indireta, por meio da valorização de suas cotas de ACWI11 no ambiente da B3.

É apenas importante mencionar que o ACWI11 não serve para compor uma carteira voltada a receber dividendos. Afinal, todos os dividendos recebidos pelo fundo serão reinvestidos e não serão direcionados à conta do investidor.

O ACWI11 possui imposto de renda?

Sim! O investimento em ACWI11 possui a cobrança de imposto de renda (IR). O IR é cobrado apenas no ato de venda de cotas de ACWI11 com lucro. Além disso, o IR é cobrado somente sobre o lucro, ao invés de incidir em todo o capital.

Portanto, ao vender cotas de ACWI11 com prejuízo, não há imposto a pagar.

Além disso, não ocorre a cobrança de come-cotas e de IOF no ACWI11, impostos presentes em outros tipos de fundo.

Quando a compra e a venda de cotas ocorrem, com lucro, no mesmo dia (Day Trade), o IR será de 20% do lucro obtido.

Já quando a compra e a venda de cotas ocorrem, com lucro, em dias diferentes (Swing Trade), o IR será de 15% sobre o lucro obtido.

No ACWI11, e em demais ETFs, não ocorre a retenção do IR na fonte, como ocorre nos investimentos de renda fixa, por exemplo.

A responsabilidade por pagar o IR é totalmente do investidor.

É necessário que o investidor calcule, por conta própria ou através de serviços contábeis, o valor do IR devido e pague o IR via DARF, um “boleto de impostos”, até o último dia útil do mês seguinte à venda com lucro.

O ACWI11 possui isenção de IR para venda até R$20 mil por mês?

Não! O ACWI11 não possui isenção de imposto de renda (IR) para vendas de cotas, com lucro, limitadas ao valor total de R$20 mil por mês, o mesmo vale para demais ETFs. Essa é uma isenção válida somente para vendas de ações.

Logo, qualquer venda de ACWI11 e de outros ETFs, com lucro, possuirá cobrança de IR, conforme as condições mencionadas acima.

Quanto rende o ACWI11?

O ACWI11 rende a valorização do índice MSCI ACWI, que é globalmente diversificado em quase 3000 empresas e 50 países diferentes. O ACWI11 replica a carteira do índice, em prol de replicar seu desempenho.

Os dividendos também impactam positivamente no rendimento do ACWI11. Visto que são reinvestidos na própria carteira do fundo, isso contribui para a valorização de longo prazo de suas cotas, no ambiente da B3.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.