Ações MCD

McDonald's

McDonald's Corporation é a maior cadeia mundial de restaurantes de fast food de hambúrguer, servindo cerca de 68 milhões de clientes por dia em 119 países através de 37 mil pontos de venda. Com sede nos Estados Unidos, a empresa começou em 1940 operada por Richard e Maurice McDonald. Ver mais

Conheça McDonald's ações MCD

McDonald's é uma empresa de capital aberto negociada na bolsa de valores americana, suas ações são negociadas através do ticker MCD.

  • IRS362361282

  • Fundado1940 (há 82 anos)

  • IPO1966 (há 56 anos)

  • Página na NASDAQVer site ⇨

  • Página de RIVer site ⇨

  • O QUE O MC McDonald’s (MCD) faz

    McDonald’s, ações MCD, é a maior rede de fast-food do mundo. Estima-se que mais de 68 milhões de pessoas são servidas em seus restaurantes por dia. Há, aproximadamente, 38.700 pontos de venda da rede de fast-food distribuídas em 119 países.

    Vende-se 190 hambúrgueres por segundo em suas lojas franqueadas. Apesar de ser onipresente, a marca se expande a cada segundo, ao abrir uma nova franquia a cada 10 horas. Oito de seus maiores mercados possuem mais de 1000 lojas (Estados Unidos, China, Japão, Alemanha, Canadá, França, Brasil e Reino Unido).

    Os estabelecimentos do McDonald’s são todos padronizados com serviço de balcão, menus e Drive-Thru. Geralmente, os restaurantes são cobertos e trazem algumas mesas ao ar livre. Em cidades maiores, ainda há o playground para crianças. Devido à parceria que a marca possui com a Coca-Cola, a bebida é amplamente distribuída e comercializada em restaurantes do McDonald’s.

    Seus hambúrgueres são famosos no mundo todo. Os mais notáveis deles são: Big Mac, McChicken, Cheddar McMelt, McFish, Big Tasty, Cheeseburguer e Quarteirão com Queijo. Esses preparados podem ser encontrados em qualquer lugar do mundo (exceto Índia, onde os hambúrgueres são feitos à base de frango, pois a vaca é considerada animal sagrado nesse país) e são grandes geradores de receitas para a marca.

    Para as crianças, deve-se mencionar o famoso McLanche Feliz (ou Happy Meal). Outros itens famosos de um tradicional cardápio do McDonald’s são: Breakfast Menu, McFeast, McRib, Chicken McNuggets, Grilled Chicken Salad, Big N Tasty, McFlurry (sorvete), One Dollar Menu e o McWrap.

    Além dos famosos hambúrgueres, o restaurante serve uma variedade de itens, que vão de petiscos às saladas e sobremesas. Além disso, o McDonald’s se adequa às questões culturais regionais, comercializando produtos exclusivos para tal país ou região, como é o caso do burrito, no México; gaspacho, na Espanha; McLobster, nos Estados Unidos; McEspaguetti, nas Filipinas, isso apenas para citar alguns.

    O McDonalds, por meio do McCafé, comercializa produtos consumidos em um café da manhã rotineiro, como diferentes tipos de cafés, roscas, donuts, croissants, muffins, bagel, cookies, panquecas, bolos e tortas. Além disso, nas lojas convencionais de McDonald’s, há sorvetes, nuggets, smoothies, milk-shakes e menus selecionados com bebidas, hambúrguer e acompanhamento.

    A marca McDonald’s é uma das mais valiosas do mundo. O mais importante, porém, não é o seu valor de mercado, mas a sua presença na vida das pessoas. Apesar de ter sido alvo de críticas e protestos ao redor no mundo, a marca McDonald’s é amada por muitos e é considerada como um porto seguro aos viajantes que não querem se arriscar com a comida local. Não importa o destino, sempre haverá um McDonald’s próximo de você.

    BREVE HISTÓRIA DO MCDONALD’S (MCD)

    A marca McDonald’s, stock MCD, já é parte da cultura do mundo globalizado, sendo símbolo do próprio processo de globalização, pois está presente em quase todos os lugares do mundo, por mais remotos que sejam.

    É preciso voltar para 1937 para entender como tudo começou. Os responsáveis pela criação da marca foram os irmãos Richard e Maurice McDonald. Eles abriram um pequeno restaurante Drive-In, na cidade de Arcádia, na Califórnia, como o objetivo de vender cachorro-quente.

    Em 1940, eles se mudam para outra cidade da Califórnia, San Bernardino, e inauguram o MCDONALD’S BAR-B-Q, um restaurante diferenciando, onde os garçons serviam a comida de patins e a especialidade era churrasco. Em 1948, os irmãos perceberam que a maior parte do lucro vinha dos hambúrgueres, em um menu de 25 itens. Então, eles decidiram reformular o negócio familiar mais uma vez.

    Entre as mudanças, estava a eliminação dos talheres por itens descartáveis, eliminação do serviço de terceiros (fazendo com que os clientes verbalizassem os pedidos sem atendimento de recepcionistas) e reformulação do cardápio com os itens: hambúrguer, cheeseburguer, milk-shake, batata frita, refrigerantes, cafés e pedaços de torta.

    Nesse período, o sistema Speedee Service System foi adotado, cuja meta era estabelecer uma única tarefa para cada funcionário e, no final, o serviço sairia completo. Esse sistema visa tornar o atendimento rápido com custos reduzidos.

    Em 1953, o logotipo em forma de “M” que formam dois arcos começava a chamar a atenção das pessoas e a marca começou a se popularizar rapidamente. No ano seguinte, 1954, Ray Kroc, que vendia milk-shake, visitou um dos restaurantes da franquia e se impressionou com o estilo e modo de produção.

    Ele propôs aos irmãos vender a marca para fora dos estados de atuação, Califórnia e Arizona, e levar o restaurante a lugares diferentes. O único pedido dos irmãos era que o padrão fosse mantido, tanto no ambiente quanto nas refeições servidas.

    Ray Kroc abriu o seu restaurante em Des Plaines, no estado de Illinois, em 1955, e, por muito tempo, esse foi considerado o primeiro McDonald’s. Quando Ray Kroc começou a abrir franquias pelos Estados Unidos, a marca já tinha 15 anos. Isso foi ignorado por muito tempo.

    Em 1960, Kroc compra a franquia dos irmãos McDonald (eles não tinham o objetivo de expansão) por US$2,7 milhões, aproximadamente. Em 1967, já existiam quase mil restaurantes em funcionamento no país e os primeiros McDonald’s além da fronteira, começavam a ser abertos no Canadá e em Porto Rico. Em 1968, é vendido o primeiro Big Mac.

    Rapidamente, a marca McDonald’s alcançava grandes feitos: em 1971, a marca chega ao continente asiático, ao abrir um restaurante em Tóquio, mesmo ano em que chegou à Europa (primeiramente na Holanda, depois na Alemanha e França); em 1974, chegava em Londres; em 1988, abria a sua loja número 10.000; em 1990, chega à China; em 1992, abre um restaurante com 700 lugares, o maior do mundo, na China; também em 1992, ao abrir uma franquia em Casablanca, Marrocos, a marca chega à África; em 1993, o segmento McCafé é inaugurado; em 1996, a merca é comercializada dentro na Disney e mercado indiano.

    A partir de 2003, devido às mudanças de mentalidade da população mundial, a marca começou a ser severamente criticada por tudo que representava e foi alvo de diversos boicotes e reinvindicações. Isso aconteceu especialmente aos malefícios que a comida servida nos seus estabelecimentos poderia causar, impactos ambientais e críticas relacionadas com obesidade infantil.

    O valor de mercado decaiu 9%. A marca passou por um processo de reformulação, acatando as solicitações da sociedade. Nesse momento, saladas, legumes, frutas passaram a integrar os menus McDonald’s, bem como informar o consumidor sobre os componentes nutricionais de seus produtos.

    Atualmente, a marca procura conquistar os públicos que aparentemente seria impossível conquistar: o vegano e o vegetariano, desenvolvendo produtos como o McVegan e o Big Vegan TS. A marca quer mesmo conquistar os mais variados gostos e estilos de vida.

    Como declarar a stock MCD?

    Para declarar McDonald's no Imposto de Renda (IRPF), siga os seguintes passos:

    • Você deve entrar no item "Bens e Direitos" e selecionar o código "03 - Participações Societárias";
    • Depois, selecione o código "01 - Ações (inclusive as listadas em bolsa)";
    • Depois, em localização, escolha o país do seu investimento, no caso das stocks, escolha "249 - Estados Unidos";
    • Depois, em discriminação, coloque o código da stock, a quantidade de cotas e o preço pago em dólar, por exemplo: "MCD - QUANTIDADE: 100 - USD$ 1000";
    • No final, coloque o valor pago em reais no campo "Situação em 31/12".