Ações EDP Energias do Brasil ENBR3

EDP Energias do Brasil SA

A EDP Energias do Brasil (ações ENBR3) atua no setor de energia no Brasil nos segmentos de Geração, Transmissão, Distribuição, Comercialização e Serviços de Energia. Opera usinas hidrelétricas e termelétricas em sete estados brasileiros. A empresa também presta serviços técnicos e comerciais, incluindo transmissão, distribuição e sistemas de manutenção para clientes corporativos, projetos de eficiência energética e geração distribuída fotovoltaica. É subsidiária da EDP Energias de Portugal. Ver mais

Conheça EDP Energias do Brasil ações ENBR3

EDP Energias do Brasil é uma companhia de capital aberto que negocia suas ações na bolsa de valores brasileira, elas são negociadas sob o ticker ENBR3 na B3.

CNPJ

PÁGINA NA B3Ver site ⇨

FUNDADO

IPO

VALOR MERCADO

PÁGINA DE RIVer site ⇨

SITE OFICIALVer site ⇨

A EDP Brasil é uma holding do setor elétrico. A empresa possui investimentos em geração, transmissão e distribuição de energia em 11 estados brasileiros, sendo eles: Rio Grande do Sul, São Paulo, Santa Catarina, Espírito Santo, Ceará, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Tocantins, Pará e Amapá.

Tudo começou em 1996, quando o Grupo EDP no Brasil adquire uma participação minoritária na Cerj, uma companhia de energia do Rio de Janeiro (atualmente conhecida como Ampla).

Em 1997, a companhia faz o seu primeiro investimento em geração de energia ao adquirir o controle de 25% da hidrelétrica de Luís Eduardo Magalhães (Lajeado), no Tocantins. No ano seguinte, em 1998, a EDP começa a controlar a Bandeirante Energia, juntamente com a CPFL, no processo de desestatização do setor elétrico em São Paulo. Oficialmente, a EDP foi criada em 2000.

A EDP (ações ENBR3) inicia o novo milênio com projetos de construção de geradores elétricos próprios, sendo que o primeiro deles já se concretiza em 2001, com a construção da usina Peixe Angical, também no Tocantins. No mesmo ano, a CPFL retira-se do capital social da Bandeirante Energia, o que deixou a EDP com total controle acionário da empresa.

Em 2005, a ED adota o nome de EDP Energias do Brasil (ações ENBR3) e entra na bolsa de valores, B3 (ações B3SA3), no segmento do Novo Mercado. Em 2007, em parceria com a MPX Mineração, a EDP adquire a Usina Termelétrica Pacém I, no Ceará. No mesmo ano, é inaugurada a pequena central hidrelétrica (PCH) São João e outra PCH, Santa Fé, que começa a ser construída, ambos empreendimentos em Espírito Santo.

Em 2008, a companhia começa a investir em energia eólica, em um empreendimento pioneiro no Brasil. Por conta disso, a EDP recebeu inúmeros méritos e condecorações em sustentabilidade pela responsabilidade ao meio ambiente, incluindo o selo A+ em certificação de qualidade pela Global Reporting Initiative e o Prêmio Época de Mudanças Climáticas. Pelo terceiro ano seguido, a EDP figura na carteira do Índice de Sustentabilidade Empresarial da BM&FBovespa.

Na década de 2010, a EDP Energias do Brasl (ações ENBR3) continua a investir em sustentabilidade e fontes de energia sustentáveis. Além disso, a empresa fez mais aquisições e parcerias, sendo que a aquisição da participação acionária em 23,56% da Celesc foi a de maior destaque, pois consolidou a presença da EDP no estado de Santa Catarina.

O que a EDP Energias do Brasil faz

A EDP (ações ENBR3) atua no segmento de energia elétrica em geração, transmissão, comercialização e distribuição de energia em 11 estados brasileiros. A estratégia da companhia é manter uma governança sólida, somada às estratégias de geração de energia com fontes sustentáveis. A empresa acredita que o futuro do setor elétrico está atrelado à “descentralização, digitalização e descarbonização”.

A EDP conta com duas grandes distribuidoras de energia: A EDP São Paulo e a EDP Espírito Santo, bem como participação na Celesc. Juntas a EDP São Paulo e a EDP Espírito Santo atendem 3,5 milhões de clientes, nos segmentos comercial e industrial, fazendo com que 98 municípios sejam atendidos pelo serviço.

Em geração de energia, a EDP conta com a Usina Hidrelétrica Lajeado (903 MW); a Usina Hidrelétrica Peixe Angical (499 MW); a Usina Hidrelétrica de Santo Antônio do Jari (393 MW); a Usina Hidrelétrica Marcarenhas (198 MW); a Usina de Cachoeira Caldeirão (219 MW); Usina Hidrelétrica de São Manoel (736 MW); e, finalmente, a Usina Termelétrica Pacém I (720 MW). Tais convencionais geradores de energia ficam nos estados de Mato Grosso, Tocantins, Ceará, Pará, Amapá e Espírito Santo.

No que diz respeito à comercialização de energia, a EDP Energias do Brasil (ações ENBR3) negocia contratos de compra e venda de energia com clientes de todo o país. Na transmissão, a empresa, que iniciou nesta área de atuação em 2016, possui um total de 1.441 km de extensão. A EDP também presta serviços técnicos e comerciais, por meio da EDP Grid. Nesse segmento, a companhia fornece sistemas de transmissão, distribuição e manutenção para clientes corporativos.

A EDP (ações ENBR3) é uma empresa inovadora e que preza muito pela sustentabilidade, o que, visto o setor de atuação em que está inserida, é de extrema importância. Tal interesse agrada muito o mercado e investidores nacionais e estrangeiros. A EDP segue seu projeto de expansão e aquisições, sempre em busca de inovar esse setor tradicional e essencial do mercado brasileiro.

ENBR3 na Bolsa de Valores

A Oferta Pública Inicial (IPO) das ações de EDP Energias do Brasil foi realizado em 2005 e suas ações podem ser negociadas por meio das ações ENBR3, que são ações ordinárias.

Itens importantes a serem analisados para as ações de EDP Energias do Brasil é o free float e o tag along.

O free float é o percentual de ações da empresa que está em livre circulação. Quanto maior esse número, melhor, pois quanto mais ações disponíveis para negociação, aumenta o interesse de mais investidores, impactando a liquidez da empresa, e atualmente, 38.15% das ações ENBR3 de EDP Energias do Brasil estão em livre circulação no mercado.

Já o tag along representa o direito, em caso de venda das ações do sócio controlador, de vender suas ações em conjunto, podendo receber os mesmos valores que o acionista majoritário em caso de tag along de 100%. No caso de ENBR3, o tag along é de 100%.

Em termos de governança corporativa, as ações ENBR3 estão listadas no segmento Novo Mercado da B3, que representa grau máximo de governança corporativa. Por isso, EDP Energias do Brasil possui uma série de práticas que devem ser seguidas para aumentar a transparência e consistência das informações e a proteção de seus acionistas, incluindo minoritários, sinalizando assim.

Dividendos ENBR3

Você pode consultar a agenda dos próximos pagamentos de dividendos e o histórico de dividendos de EDP Energias do Brasil na aba "dividendos" aqui da página da empresa.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.