Ações Lojas Americanas LAME4, LAME3

Lojas Americanas SA

A Lojas Americanas (ações LAME3, LAME4) atua no segmento de varejo no Brasil, sendo mais relevante no segmento de comércio eletrônico. Ver mais

Conheça Lojas Americanas ações LAME4, LAME3

Lojas Americanas é uma empresa de capital aberto negociada na bolsa de valores brasileira, suas ações são negociadas através do ticker LAME4, LAME3 na B3.

CNPJ

PÁGINA NA B3Ver site ⇨

FUNDADO

IPO

VALOR MERCADO

PÁGINA DE RIVer site ⇨

SITE OFICIALVer site ⇨

A Lojas Americanas (ações LAME3, LAME4) atua no segmento de varejo no Brasil, sendo mais relevante no segmento de comércio eletrônico. Nesse sentido, a Americanas.com foi a maior loja online brasileira em 2020, com milhões de produtos em mais de 40 categorias distintas. Ainda, ela também foi eleita como a número 1 em atendimento e loja mais querida da internet por seus clientes.

A Lojas Americanas divide seu universo em três segmentos, sendo o primeiro caracterizado pela forte geração de caixa, o segundo pelas operações nas plataformas digitais e o terceiro visando o crescimento futuro da companhia.

Sobre o primeiro segmento:

  • Americanas, lojas tradicionais oferecendo os mais variados produtos.
  • Lojas Express, seguindo o conceito de lojas menores com produtos mais selecionados.
  • Local, sendo uma loja de conveniência com tamanho reduzido e focada em produtos alimentícios.
  • Ame Go, também no segmento de conveniência, entretanto, sendo uma loja autônoma.
  • Americanas Digital, voltada para a venda de eletroeletrônicos.

Quanto ao segundo segmento, deve-se salientar que ela é constituída basicamente pela B2W Digital, cuja Lojas Americanas detenha mais de 60% das ações da companhia até 2020. As plataformas da empresa são:

  • Americanas.com.
  • Submarino.
  • Shoptime.
  • Sou Barato.

Finalizando, o horizonte 3 é capitaneado pela IF – Inovação e Futuro, que foi concebida com a missão de construir e potencializar iniciativas disruptivas dentro das Lojas Americanas e B2W. Esse horizonte é constituído por:

  • Ame Digital, fintech e plataforma mobile de negócios da Lojas Americanas e B2W, atingindo 1,8 milhões de downloads até o final de 2018.
  • LET’S, plataforma de gestão compartilhada dos ativos de logística e distribuição da Lojas Americanas e da B2W.

A trajetória da Lojas Americanas

A história da Lojas Americanas (ações LAME3, LAME4) começou em 1929, quando os norte-americanos John Lee, Glen Matson, James Marshall e Batson Borger inauguraram a primeira unidade da empresa na cidade de Niterói – Rio de Janeiro. Ainda, em 1940 ela promoveu a abertura de seu capital e se tornou uma sociedade anônima.

A controladoria do grupo mudou em 1982, quando os sócios do Banco Garantia assumiram o controle da Lojas Americanas. Já em 1994, foi realizado um joint venture (empreendimento conjunto) com a Wal-Mart Store Inc., uma das maiores varejistas do mundo (sediada nos Estados Unidos), para a formação da Wal-Mart Brasil S.A., porém, três anos após a parceria, a Lojas Americanas decidiu vender toda sua participação nessa nova empresa para a Wal-Mart, decidindo por focar no crescimento do próprio negócio.

Sendo assim, em 1998 a empresa vendeu 23 lojas de supermercado para concentrar os investimentos em tecnologia e logística. No ano seguinte, foi fundada a Americanas.com, segmento de e-commerce da Lojas Americanas, que atingiu seu break even (ponto de equilíbrio do investimento) já em 2002.

Já em 2003, a Lojas Americanas (ações LAME3, LAME4) inaugurou mais 16 pontos de venda, além de abrir a Americanas Express. Nesse mesmo âmbito, no ano seguinte a companhia abriu mais 35 lojas físicas, sendo 5 dessas no modelo Express.

O ano de 2005 foi de grande importância para a empresa, pois foram inauguradas mais 37 lojas físicas, além da aquisição do canal de TV e site de comércio eletrônico Shoptime. Ademais, nesse mesmo ano foi realizada uma joint venture com o Banco Itaú, produzindo a Financeira Americanas Itaú – FAI, ou Americanas Taií. O ano seguinte também foi relevante devido à criação de uma nova empresa, a B2W – Companhia Global de Varejo, produto de uma fusão entre a Americanas.com e o Submarino; somado a isso, foram inauguradas mais 45 lojas.

Continuando sua expansão orgânica, em 2007 a companhia inaugurou mais 50 lojas, além de somar mais 127 à sua rede devido à aquisição da BWU (empresa detentora da marca BLOCKBUSTER no Brasil). Mais 58 lojas foram abertas no ano seguinte. A empresa inaugurou mais 70 lojas em 2010, 90 lojas em 2011 e 111 lojas em 2012. Neste último, também foi anunciado o fim da parceria entre a Lojas Americanas e o Banco Itaú, ou seja, dando fim à Financeira Americanas Itaú.

Em 2014 foi criada a Promotora de Produtos e Serviços Financeiros +AQUI, além do Cartão de Crédito Lojas Americanas ter sido lançado. Nesse mesmo ano, a empresa inaugurou sua primeira loja na cidade de Boa Vista – Roraima, fazendo com que a empresa tenha presença em todos os 26 estados brasileiros e no Distrito Federal.

O grupo atingiu o marco de 1000 lojas em 2015, com a criação da milésima na cidade de Paraty – RJ, considerada Patrimônio Histórico Nacional. No ano seguinte, a empresa lançou sua primeira unidade local, no bairro do Leme – Rio de Janeiro. Por fim, em 2018 houve a criação da IF, da LET’S e da Ame Digital.

Lojas Americanas e a sustentabilidade

No prisma da sustentabilidade, deve-se destacar que as Lojas Americanas, junto da B2W, são as criadoras da Companhia Verde, que tem como objetivo:

  • Conscientizar associados e stakeholders da importância de ações sustentáveis.
  • Reduzir o consumo de água, energia e demais recursos naturais da companhia.
  • Reduzir a quantidade de lixo gerado e implantar de forma ampla e eficiente a coleta seletiva.
  • Tornar a companhia referência em sustentabilidade, gerando uma melhor qualidade de vida para as gerações futuras.

Como resultado desses esforços, a empresa quase sempre está compondo o ISE, índice de sustentabilidade empresarial da B3 (ações B3SA3). Outrossim, a companhia é ganhadora do Prêmio Ambiental Chico Mendes em 2017, e da Certificação LEED em 2013.

LAME4 e LAME3 na Bolsa de Valores

A Oferta Pública Inicial (IPO) das ações de Lojas Americanas ocorreu em 1977 e suas ações podem ser negociadas por meio das ações LAME3, que são suas ações ordinárias, e ações LAME4, que são suas ações preferenciais.

Pontos importantes de analisar para as ações de Lojas Americanas é o free float e o tag along.

O free float é o percentual de ações da companhia que está em livre circulação no mercado, então quanto maior esse número for, melhor, pois quanto mais ações disponíveis para negociação, aumenta o interesse de mais investidores, impactando a liquidez da companhia, e atualmente, 37.24% das ações LAME3 e 68.79% das ações LAME4 de Lojas Americanas estão em livre circulação no mercado.

Já o tag along significa o direito, em caso de venda das ações do sócio controlador, de vender suas ações junto; no caso de tag along de 100%, podem ser recebidos os mesmos valores do acionista majoritário. No caso de LAME3, o tag along é de 100%, e de LAME4, o tag along é também de 100%.

Dividendos Lojas Americanas

Você pode consultar a agenda dos próximos pagamentos de dividendos e o histórico de dividendos de Lojas Americanas na aba "dividendos" aqui da página da empresa. Você também vai conseguir ver qual das ações LAME4, LAME3 paga mais dividendos.

Diferença entre as ações LAME3 e LAME4

A principal diferença entre as ações de Lojas Americanas é que as ações ordinárias dão direito a voto nas assembleias da empresa e as ações preferenciais possuem preferência na distribuição dos resultados, apesar das ações ordinárias também receberem dividendos.

Criamos um artigo bem completo que explica em detalhes a diferença entre as acões ON, PN e UNITs, para acessar o artigo basta clicar aqui.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.