Ações ARZZ3

Arezzo

Arezzo Industria e Comercio SA

A Arezzo é líder no setor de calçados, bolsas e acessórios femininos no Brasil. Com 47 anos de história, comercializa atualmente mais de 13,5 milhões de pares de calçados por ano, além de bolsas e acessórios. Possui sete marcas – Arezzo, Schutz, Anacapri, Alexandre Birman, Fiever, Alme e Vans® – com produtos que se destacam pela qualidade, design, conforto e inovação. Ver mais

Conheça a Arezzo ações ARZZ3

A Arezzo é uma companhia de capital aberto negociada na bolsa de valores brasileira, suas ações são negociadas sob o ticker ARZZ3 na B3.

Indicadores ARZZ3

  • CotaçãoR$ 99,78

  • P/L25,5

  • LPA3,91

  • P/VPA4,41

  • VPA22,62

  • DY1,7%

A Arezzo (ações ARZZ3) é uma companhia brasileira líder no mercado de calçados, bolsas e acessórios femininos no mercado nacional. É composta por sete marcas – Arezzo, Schutz, Anacapri, Alexandre Birman, Fiever, Alme e Vans – e seus produtos são conhecidos pela qualidade, design, conforto e, principalmente, inovação, características que as permitem alcançar públicos-alvo específicos e atender as mais variadas ocasiões de uso. Com 47 anos de história, comercializa hoje cerca de 13,5 milhões de pares de calçados por ano, além de bolsas e acessórios. Os números da companhia impressionam, sendo mais de 735 lojas (53 próprias e 682 franquias), contam também com 2,2 mil colaboradores. Além disso, os sites de suas marcas alcançam cerca de 70 milhões de visitas anualmente e sua base de CRM possui mais de 10 milhões de clientes cadastrados.

Durante a trajetória da Arezoo (ações ARZZ3), foi reconhecida com diversos prêmios, nas mais variadas áreas (produção, tecnologia, inovação, gestão, comercialização, e web commerce) e considerada durante vários anos a melhor franquia de calçados, bolsas e acessórios femininos no Brasil.

A história da Arezzo

Até a década de 70, a produção de calçados brasileiros sofria uma forte influência europeia, sobretudo da moda italiana. Com o desejo de reverter essa situação e dar início a produção de calçados de características nacionais, Anderson Birman fundou a marca Arezzo em 1972, na cidade de Belo Horizonte – MG. Entretanto, no início do negócio, a marca se dedicou à produção de sapatos masculinos, mas logo alterou seu rumo para se tornar referência em calçados e bolsas femininas nacionais.

A consolidação da marca Arezzo no mercado brasileiro se deu em 1979, a partir do lançamento da sandália de modelo Anabela, revestido de juta, sendo o grande primeiro sucesso de vendas da marca. Na década seguinte, o tema foi a verticalização da produção em Minas Gerais, que na época já contava com 2.000 funcionários e produzia 1,5 milhões de pares anualmente. Na década de 90, o foco foi no varejo, através de ações nos pontos de venda, fortalecendo suas operações no canal de franquias como modo de expansão de seus produtos por todo o Brasil, além da abertura de lojas próprias em centros estratégicos de consumo. Um fato importante ocorrido também nessa década foi o encerramento das operações fabris em Minas Gerais, passando a ser concentrada no Rio Grande do Sul.

A partir da virada do século, a Arezzo&Co (ações ARZZ3), através de Alexandre Birman, passou a criar outras marcas próprias e expandir suas operações e alcance no país, além de atravessar fronteiras com suas lojas, chegando até os Estados Unidos. Até que em 2019, anunciou um acordo para ser a distribuidora exclusiva de calçados, vestuário e acessórios da marca Vans no Brasil. Assim, pela primeira vez em sua história, passou a comercializar uma marca que não foi criada dentro de casa, dando o primeiro passo para tornar a companhia em uma plataforma de gestão de marcas, com expansão para os mercados masculino, infantil e de vestuário.

O negócio da Arezzo

O modelo de negócios da Arezzo (ações ARZZ3) é bem híbrido, com uma diversificação bem interessante através das estratégias multimarca e multicanal, permitindo um crescimento orgânico a mesma. Através de suas 7 marcas, suas vendas são realizadas através de franquias (32,4%), lojas multimarcas (21,4%), lojas próprias (10,1%), web commerce (24,1%) e mercado externo (11,9%). Em relação às franquias, canal de maior geração de receita da companhia, 62% dos operadores possuem apenas 1 franquia, 22% possuem 2, 8% possuem 3 e outros 8% administram 4 ou mais franquias. A respeito das marcas Arezzzo&Co, temos:

  • Arezzo: Fundada em 1972 por Anderson Birman, foi a primeira marca da companhia, e hoje é top of mind no segmento de calçados femininos e uma das preferidas e mais consumidas no Brasil. Referência de fast fashion, lança cerca de 19 coleções anuais e é presença garantida em editoriais de moda das mais prestigiadas revistas, jornais e websites do país. Presente em todos os estados do país através de sua grande rede de distribuição, possui também lojas próprias no Rio de Janeiro, São Paulo e Rio Grande do Sul. Internacionalmente, está presente por meio de franquias e lojas multimarcas. Tudo isso faz que a Arezzo seja a marca com maior geração de receita para a companhia, com participação de cerca de 42,2% sobre o total.
  • Schutz: Sendo a segunda maior marca da companhia (com cerca de 30,5%), foi fundada em 1995 por Alexandre Birman, atual CEO da Arezzo&CO, e tem a missão de oferecer um conceito de produtos conectados ao desgin, qualidade, moda e liberdade de expressão. Hoje conta com uma rede de pontos de venda em todos os estados brasileiros. Adicionalmente, também possui lojas próprias nas principais capitais brasileiras e flagship stores nos principais centros de moda do Brasil. No exterior, possui duas lojas próprias em Nova York e Los Angeles, além de diversos pontos de venda, multimarcas e online.
  • Anacapri: Com o objetivo de descomplicar o dia a dia das mulheres, atrelando personalidade, qualidade, preço e conforto, a marca Anacapri traz um conceito mais casual de sapatos sem salto. Possui franquias por todo o Brasil, mas também lojas próprias nas cidades de São Paulo e Rio de Janeiro. É hoje uma marca muito consolidada entre o público jovem, e representa 11,7% da receita da companhia.
  • Vans: Como mencionado mais acima, em 2019 a Arezzo&Co firmou um acordo para ser distribuidora exclusiva da marca Vans no Brasil. Fundada em 1966, a marca Vans cria calçados, roupas e acessórios como foco em ação para skatistas, surfistas, ciclistas de BMX e snowboarders em todo o mundo. A distribuição dos produtos Vans tem participação de 8,6% na receita bruta da Arezzo&Co, e significou uma abertura da companhia ao mercado de gestão de marcas.
  • Fiever e Alme: Sendo as duas mais recentes marcas próprias da companhia, agrega cerca de 2,2% na receita bruta do grupo. A Fiever foi fundada no final de 2015, trazendo um conceito urbano e despretensioso, tendo como carro-chefe o tênis white sole. A marca Alme busca atender uma demanda das consumidoras que desejam sapatos confortáveis, mas bonitos para todas as ocasiões de uso. Entre os produtos desta, estão scarpins, botas, sapatilhas, tamancos e sneakers casuais.

Arezzo na Bolsa de Valores

O IPO das ações da Arezzo foi realizado em 2011 e suas ações podem ser negociadas por meio das ações ARZZ3, que são ações ordinárias.

Pontos importantes de analisar para as ações da Arezzo é o free float e o tag along.

O free float é o percentual de ações da Arezzo que está em livre circulação no mercado. Quanto maior esse número, melhor, já que com mais ações disponíveis para negociação, aumenta o interesse de mais investidores, impactando a liquidez da companhia, e atualmente, 54,15% das ações ARZZ3 de Arezzo estão em livre circulação no mercado.

Já o tag along significa o direito, em caso de venda das ações do sócio controlador, de vender suas ações em conjunto; no caso de tag along de 100%, podem ser recebidos os mesmos valores do acionista majoritário. No caso de ARZZ3, o tag along é de 100%.

Em termos de governança corporativa, as ações ARZZ3 estão listadas no segmento Novo Mercado da B3, que representa o mais alto nível de governança corporativa. Como resultado, Arezzo possui uma série de práticas que devem ser seguidas para aumentar a transparência e consistência das informações e a proteção de seus acionistas, incluindo minoritários, sinalizando assim.

Como declarar ações ARZZ3?

Para declarar as ações da Arezzo no Imposto de Renda (IRPF), siga os seguintes passos:

  • Você deve entrar no item "Bens e Direitos" e selecionar o código "03 - Participações Societárias";
  • Depois, selecione o código "01 - Ações (inclusive as listadas em bolsa)";
  • Depois, em localização, escolha o país do seu investimento, no caso de ações, escolha "105 - Brasil";
  • No campo do CNPJ, digite "16.590.234/0001-76";
  • Depois, em discriminação, coloque o código da ação e a quantidade de ações, por exemplo "ARZZ3 - QUANTIDADE: 1000";
  • No final, coloque o valor total investido no campo "Situação em 31/12".

As ações da Arezzo pagam dividendos?

Você pode consultar a agenda dos próximos pagamentos de dividendos e o histórico de dividendos da Arezzo na aba "dividendos" aqui na página da empresa.