Ações Vivo VIVT3

Telefonica Brasil SA

A Vivo (ações VIVT4) é a marca comercial da Telefônica Brasil. Uma concessionária de telefonia fixa (herdeira da infraestrutura da TELESP e posteriormente da GVT), telefonia móvel (herdeira da infraestrutura da Telesp Celular e diversas outras operadoras de celular estatais do país), internet banda larga e TV por assinatura do Brasil. Foi formada inicialmente pela fusão de companhias de celular (anteriormente estatais) existentes no Brasil, fundada como uma parceria entre Portugal Telecom e a espanhola Telefónica, sendo comandada por esta última após ter comprado a posição da primeira em 2010. Ver mais

Conheça Vivo ações VIVT3

Vivo é uma empresa de capital aberto negociada na bolsa de valores brasileira, suas ações são negociadas através do ticker VIVT3 na B3.

CNPJ

PÁGINA NA B3Ver site ⇨

FUNDADO

IPO

VALOR MERCADO

PÁGINA DE RIVer site ⇨

SITE OFICIALVer site ⇨

A Telefônica Brasil S.A., popularmente chamada de Vivo (ações VIVT3), é a maior empresa de telecomunicações do país, e a oitava marca mais valiosa do Brasil (2020). Sua controladora é o Grupo Telefônica, um dos maiores conglomerados de telecomunicações do mundo, com presença em 14 países.

Por se tratar de uma "telecom" (termo usado para se referenciar às empresas de telecomunicações), a Vivo gera receita das seguintes formas:

  • Receita Fixa – refere-se aos serviços fornecidos para locais fixos, como residências.
  • Banda Larga Fixa – serviço de internet fixo. Desse âmbito, metade da receita é produzida pelos serviços de FTTH, ou seja, de rede de fibras ópticas.
  • TV por assinatura – assinatura de planos de televisão, sendo o principal serviço oferecido o IPTV, que é o uso da internet para transmitir os programas.
  • Dados Corporativos e TIC.
  • Voz e Outros – serviços de voz, como a telefonia fixa, e outros, como serviços de nuvem.
  • Receita Móvel – refere-se aos serviços fornecidos sem referências físicas, como a telefonia móvel, com os planos pré-pago ou pós-pago.

A trajetória da Vivo

A história da Vivo (ações VIVT3) começa em 1998, quando o monopólio estatal do segmento de telecomunicações do Brasil teve seu fim com a privatização da Telebrás e sua ramificação em outras 12 empresas. Até os anos 2000, quatro dessas empresas foram adquiridas pelo Grupo Telefônica, da Espanha, sendo elas a Telecomunicações de São Paulo S.A. (TELESP), a Companhia Telefônica da Borda do Campo (CTBC), a Telesp Participações S.A. e a Centrais Telefônicas de Ribeirão Preto S.A. (CETERP).

Inicialmente, a Vivo oferecia apenas os serviços de telefonia fixa e banda larga no estado de São Paulo, tendo o portfólio aumentado a partir de 2006 por meio de um contrato com o Grupo Abril para distribuição dos serviços de banda larga e TV a cabo da Tevecap S.A. Ainda, quatro anos mais tarde, a empresa adquiriu ações da Vivo, que na época pertenciam à Portugal Telecom, se tornando líder do mercado de telecomunicações do Brasil.

Dessa forma, em 2011, o nome da empresa deixou de ser Telecomunicações de São Paulo S.A. (TELESP) para Telefônica Brasil S.A., enquanto as ações negociadas na B3 (ações B3SA3) passaram de TLPP3 e TLPP4 para VIVT3 e VIVT4. Além disso, o código de negociação de suas ADR’s na NYSE (bolsa de valores de Nova Iorque) passou de TSP para VIV. Ainda sobre suas ações, a empresa concluiu o processo de conversão total de suas ações preferenciais (final do código 4) para ações ordinárias (final de código 3) em novembro de 2020.

Continuando a história da Vivo, em 2012 o nome Vivo foi definido como marca comercial em todo o país. Já em 2014, houve a aquisição da GVT como forma de expandir os serviços de rede fixa para fora do estado de São Paulo. Outrossim, em 2017 a empresa realizou a aquisição da Terra Networks Brasil S.A., que em 2020 foi o terceiro maior portal do país, contando com mais de 200 milhões de visitas por mês.

Fatos relevantes sobre a Vivo

Para os investidores que buscam empresas ESG (enviromental, social and corporate governance, ou seja, classe de empresas que possuem uma governança sustentável), deve-se salientar que a Vivo compõe o índice S&P/B3 Brasil ESG, que é referência internacional para as empresas ESG listadas na B3 (ações B3SA3).

Além disso, a Vivo também desenvolve diversas ações para o bem-estar social, como a criação da Fundação Telefônica Vivo, que impacta mais de um milhão e meio de alunos. Nesse sentido, o resultado dessa fundação foi a eleição da Vivo para o Prêmio Hamdan para efetividade de professores, primeiro ganhador brasileiro do prêmio.

Agora, no quesito ambiental, 100% da energia da Vivo é proveniente de fontes renováveis (fato esse relacionado à criação de uma usina de biogás), além de ter diminuído em 50% suas emissões em 2019. Somado a esses feitos, ela lançou a campanha Recicle com a Vivo, com mais de 1600 pontos de coleta de lixo reciclável. Também deve-se inferir que a empresa está engajada com o Pacto Global e os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável da ONU.

Por fim, quanto ao Market Share (grau de participação da empresa no mercado em que atua) da Vivo, devemos ressaltar os seguintes pontos – todos os dados do terceiro trimestre de 2020:

  • Primeira colocada (28,80% de market share) no segmento de telefonia pré-paga.
  • Primeira colocada (38,30% de market share) no segmento de telefonia pós-paga.
  • Primeira colocada (21,00% de market share) em acessos à rede de fibra óptica.
  • Primeira colocada (32,20% de market share) em acessos ao 4G.
  • Segunda colocada (27,90% de market share) em acessos ao 3G.
  • Primeira colocada (80,20% de market share) em acessos à televisão por internet.
  • Primeira colocada (31,50% de market share) no segmento de Banda Larga Móvel.

VIVT3 na Bolsa de Valores

A Oferta Pública Inicial (IPO) das ações de Vivo foi realizado em 1998 e suas ações podem ser negociadas por meio das ações VIVT3, que são ações ordinárias.

Pontos importantes a serem analisados para as ações de Vivo é o free float e o tag along.

O free float é o número de ações da empresa que está em livre circulação no mercado, então quanto maior esse número for, melhor, pois quanto mais ações disponíveis para negociação, aumenta o interesse de mais investidores, impactando a liquidez da empresa, e atualmente, 26.25% das ações VIVT3 de Vivo estão em livre circulação no mercado.

Já o tag along representa o direito, em caso de venda das ações do sócio controlador, de vender suas ações em conjunto; no caso de tag along de 100%, podem ser recebidos os mesmos valores do acionista majoritário. No caso de VIVT3, o tag along é de 80%.

Dividendos VIVT3

Você pode consultar a agenda dos próximos pagamentos de dividendos e o histórico de dividendos de Vivo na aba "dividendos" aqui da página da empresa.

Mural de discussão

Se a sua dúvida é sobre algum ativo, pesquise-o na caixa de busca e verifique se a sua dúvida já foi respondida por algum membro da comunidade.